03 agosto 2015

Tonalizar o cabelo em casa, tem coragem?

|

Gente, três coisas que aprendi sobre pintar o cabelo:

1) Aquela diaba garota da propaganda NÃO tem aquele cabelo na vida real. Aquela cor não existe. São efeitos especiais tridimensionais.

2) Anrram, até parece que a GisaBünchen usa mesmo aquela marca no cabelo. E até parece que a Xuxa ficou morena pra realizar o sonho da mãe. $ei, viu, que $onho.

3) Não faça nada em casa com tinta de farmácia! Esse é o maior conselho que eu posso dar a alguém. Se tem zelo pela vida do seu cabelo, NÃO pinte em casa! Você não sabe como fazer perfeito. Pode pensar que sabe, mas não sabe. Só vai descobrir isso quando for a uma verdadeira profissional.

Mas, então tá, você vai ao salão com sua fotinha linda que coletou na internet dizendo “Eu quero meu cabelo desse jeito.” e ouve promessas de que ficará perfeito, melhor do que imagina, que seu cabelo abre muito bem o tom e de repente, na calada do salão, antes que possa se dar conta, estão todos cochichando a sua volta. Sua cabeleireira trocando olhares desesperado com o outro cabeleireiro. A manicure arregala os olhos. Você engole em seco. Só passa uma coisa na cabeça “Por favor, esteja bom, por favor, esteja bom, por favor, por favor!“. Você tem medo de perguntar e fica só estudando a reação dela. Seu coração batendo acelerado. Ai meu deus, tô horrorosa! A dona do salão já te olha à espera de um barraco. Vem a mocinha e entrega um espelho pra sua cabeleireira. É agora. É a hora. PÁ! Deu branco! Seu cabelo ficou branco quase cinza! Não que isso seja feio. Amamos fios branquinhos! Mas cada caso é um caso e não era isso que você queria. Solução: Tonalizar.

Se você sair do salão com mechas tão escuras que quase ninguém nota a diferença é ruim, imagina só, você sair com mechas tão brancas (que, obviamente, detonaram seu cabelo) completamente diferente do que você pediu? Tão ruim quanto, né? Ainda mais, se tratando de mulheres que nunca estão satisfeitas, um salão que deixa a desejar, com certeza, não te faz voltar nem recomendar.

Outro fator, seu cabelo tem o fio acobreado e rapidamente perde a tonalidade cinza e fica alaranjado, o que é bem mais difícil de tratar do que o amarelado. Qual a solução? Tonalizar.

Então, em outras palavras, o salvador da pátria capilar seria o tonalizante, certo? De-pen-de! Minha gente, cabelo é um filho! Todo cuidado é pouco. Esses problemas de tonalidade são bem comuns. Muitas mulheres não saem satisfeitas com a primeira tintura. Ou fica muito claro ou muito escuro ou muito quebrado ou muito seco. Enfim, são infinitas formas de desagradar e UMA chance só de fazê-la voltar. É por isso que hoje vamos entender como esse processo funciona:

O que é tonalização?

É um processo menos agressivo por não fazer uso dos componentes da pintura e nem da descoloração. A tonalização não é permanente, tendo que ser feita de 15 em 15 dias na maioria dos casos. Ela tem o intuito de “fechar” a cor, mas também de mantê-la “viva” como é o caso de quem pinta de vermelho.
• Para tonalizar fios amarelados (loiro médio ao claríssimo) procure por um tonalizante que tem reflexos violeta
• Para tonalizar fios alaranjados procure um tonalizante com reflexos azuis.

TONALIZAR O CABELO

Este é um processo bem complicado.O mas indicado é que você vá ao salão.
Mas se você não tem como e precisa de uma solução urgente:
• Misture 20g de tonalizante 7.7 + 30g de 6.o mistura com 30 ml de emulssão e acrescente 25 ml de agua mineral
•.Lava o cabelo normalmente e aplique a mistura.
• Aguarde 5 a 10 minutos (depende do tom que você quer chegar, tem que ficar atenta pois não tem um tempo certo de espera)
• Enxague e passe uma máscara hidratante.
Eu já fiz esse procedimento em casa e no salão e vou contar como foi:

1) Em casa, eu utilizei um tonalizante da Keraton Banho de Brilho, na cor PRATA + creme de hidratação. Misturei até ficar um roxinho claro. Deixei agir por 10 minutos, porque tive medo de ficar muito escuro. O resultado foi bom, mas não como eu esperava. Ficaram bem escuras minhas mechas, puxado para o cinza, mesmo depois de clarearem com as lavagens. Meu cabelo ficou bem ressecado. Mas atingi meu objetivo: tirar o amarelado.

2) No salão, a cabeleireira utilizou um tonalizante vendido na Cosbel, daL’oreal, o Richesse Louro Claríssimo, não sei qual a quantidade que ela utilizou na mistura. E ela usou a técnica da matização; apenas lavou e deixou 3 minutos o produto agindo no próprio lavatório. Minhas mechas ficaram escuras, mas completamente cinzas. Quase que chumbado meu cabelo. De inicio, eu não gostei. Mas quando a cor foi abrindo, achei bem melhor do que estava e sem falar que ressecou bem menos.

Resultado: eu poderia ter comprado um carro, mas escolhi pintar o cabelo. Tenha em mente que toda mudança requer o dobro de cuidados, muita paciência e um excelente profissional. Essa foi minha dica de hoje! Beijos!



1 comentários:

  1. Diaba da propaganda kkkkkkk você vai pela cor do cabelo da guria e se dá mal.
    Eu sempre pinto e tonalizo o meu em casa, minhas experiências pintando cabelo em salões não são nada boas. Sou ruiva a uns 5 / 6 anos ou mais e nunca deu errado pintando em casa, já em salão... Já usei aquelas marcas de fármacia, pigmentos, tonalizante, tinta profissional e tudo que é vermelho.

    O tal do loiro é bem complexo pra cuidar em casa, acho vermelho bem mais fácil, qualquer descuido o loiro sai feio. Passei menos de um ano loira e não pretendo voltar tão cedo, gostei dessa dica pra tonalizar em casa. Beijinhos :*
    www.vidadebloguette.com

    ResponderExcluir

T